Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]

J Q M

Fui jornalista, estive em todo o tipo de competições desportivas ao longo de mais de 30 anos e realizei o sonho de participar nos Jogos Olímpicos. Agora, continuo a observar o Desporto e conto histórias.

J Q M

Fui jornalista, estive em todo o tipo de competições desportivas ao longo de mais de 30 anos e realizei o sonho de participar nos Jogos Olímpicos. Agora, continuo a observar o Desporto e conto histórias.

Varane atira Godin para fora da lista dos melhores do Mundial com um golo nos terrenos e especialidade do uruguaio. Griezmann, com um golo e uma assistência, eclipsa o seu ex-futuro colega Suarez. Assim, os espanhóis de França foram decisivos na primeira batalha dos quartos-de-final, que ficou muito longe do equilíbrio competitivo que se aguardava.

O central do Real Madrid imitou o ex-colega de equipa Pepe e marcou de cabeça nos domínios dos considerados intratáveis defesas centrais uruguaios.
A França, penalties à parte, ainda não tinha feito qualquer golo de bolas paradas nesta prova, ao contrário do Uruguai, mas este é o sortilégio do futebol: quase nada acontece do que se prevê e antecipa.