Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]





Comentários recentes

  • Anónimo

    Moral da história, todos os processos a que o Benf...

  • José Brito

    "Encontram-se ainda vários pedidos para ‘discoteca...

  • Anónimo

    Se as pessoas não estão contentes com o que é "ofe...

  • Anónimo

    Este artigo peca por misturar o que não pode ser m...

  • Marco Hugo

    A lista dos ex-árbitros espiados no caso ‘E-Toupei...





O Alex Telles não foi para o Real Madrid, o Marcelo não foi para a Juventus, o Alex Sandro não foi para o Paris SG. Acabou o mercado de jogadores e, com ele, o desfile de falsas notícias que ajuda a preencher horas de televisão e páginas de jornal, das quais aquela triangulação de defesas esquerdos brasileiros ganhou a palma da originalidade.

Por acção da nova indústria dos agentes licenciados, o mercado alcandorou-se a grande acontecimento destes meses de transição entre cada época. Nada é mais interessante que a projecção de uma nova equipa, a avaliação dos jogadores, o dispêndio de verbas absurdas.

O FC Porto foi o campeão do mercado pelas vendas de Dalot e Ricardo, que renderam mais do que suficiente para a compra de vários jogadores acima dos seis milhões de euros, com lastro para alguns disparates como Janko e Paulinho. Tudo indica que Militão seja um reforço de enorme gabarito.

O Benfica teve equilíbrio e sentido clínico nas aquisições, depois de mais uma facturação altamente lucrativa com jogadores de segundo (ou terceiro) plano, como João Carvalho, André Horta, Pelé ou Cristante.

O Sporting fez o que pôde, com um orçamento composto com as vendas de Wiliam e Piccini, mas sofreu de forma confrangedora perante as reticências que jogadores e agentes colocaram à situação transitória e à instabilidade e insegurança provocadas pelas claques legais. Mesmo assim, a contratação de Gudelj e a recuperação de Bas Dost e Bruno Fernandes, bem como o regresso de Nani, mantiveram a equipa num nível competitivo.

Autoria e outros dados (tags, etc)





Comentários recentes

  • Anónimo

    Moral da história, todos os processos a que o Benf...

  • José Brito

    "Encontram-se ainda vários pedidos para ‘discoteca...

  • Anónimo

    Se as pessoas não estão contentes com o que é "ofe...

  • Anónimo

    Este artigo peca por misturar o que não pode ser m...

  • Marco Hugo

    A lista dos ex-árbitros espiados no caso ‘E-Toupei...